DOLCE VITA
Capa Meu Diário Textos Áudios Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links
Textos
DEPOIS DO FIM
 

 

Todos os beijos que Carolina nunca mais daria em Antonio a acordaram naquela manhã. E foram tantos e tão intensos, deixando sua pele em brasa. O corpo queimava. E tremia. Ainda atordoada, ela teve a impressão de ter escutado a voz de Antonio: a voz que embalara sua alma. Carolina sentiu as primeiras lágrimas deslizarem pela face. Nenhuma outra dor superaria o silêncio em que ele a deixara.



 
(*) IMAGEM:  JULIETTE BINOCHE

 "A LIBERDADE É AZUL"

DIREÇÃO: KRZYSZTOF KIÉSLOWSKI


http://www.dolcevita.prosaeverso.net
Dolce Vita
Enviado por Dolce Vita em 15/05/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Áudios Relacionados:
DEPOIS DO FIM - Dolce Vita
Comentários