DOLCE VITA
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato LinksLinks
Textos


DOIS ESTRANHOS E UMA CASA ASSOMBRADA
 




Por um instante, Ernesto imaginou ter escutado alguma coisa errada. E pediu ao desconhecido no bar, do outro lado do balcão, repetir o que havia dito. Lentamente, o homem bebeu um pequeno gole de uísque, e revelou num sussurro:

— Durante a noite, minha casa respira fundo.

Apesar do estranhamento, Ernesto não resistiu à curiosidade:

— E o que você faz?
                           
Sem tirar os olhos do cálice ainda cheio de bebida, o sujeito respondeu:

— Finjo que não ouvi. É bem pior quando ela chora.





 
(*) IMAGEM: "PSICOSE" 

DIREÇÃO ALFRED HITCHCOCK



http://www.dolcevita.prosaeverso.net
Dolce Vita
Enviado por Dolce Vita em 12/11/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Áudios Relacionados:


Comentários