DOLCE VITA
Capa Meu Diário Textos Áudios Perfil Livros à Venda Livro de Visitas Contato Links
Textos
O CASO DA SENHORITA N
 
 
 


Numa tarde gelada, ela apareceu no escritório de Horácio. O detetive estava acostumado a lidar com gente esquisita, porém o olhar manso da mulher levou Horácio a supor que ela se enganara de endereço. No entanto, a desconhecida sabia exatamente onde estava e o que viera fazer ali.

Quando a senhorita N começou a contar sua história, Horácio interrompeu o relato dizendo que não poderia ajudá-la. Ele era um detetive especializado em casos de infidelidade conjugal. E a senhorita N vivia sozinha.

Com uma naturalidade desconcertante, a mulher retrucou:

— Ora, é por isso que estou aqui. Desejo ser apresentada a alguns de seus clientes.  Os mais interessantes, claro. Sinto uma inexplicável atração por homens traídos. Mas queria aqueles com referência. Chega de estranhos na minha vida.




 
 
(*) IMAGEM: CATHERINE DENEUVE

"A BELA DA TARDE"

DIREÇÃO: LUIS BUÑUEL

 
Dolce Vita
Enviado por Dolce Vita em 23/04/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Áudios Relacionados:
Comentários